Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2011

Beleza e outras qualidades

Não sou daqueles que acha que beleza não é importante. Para mim, ela é; pelo menos nos instantes iniciais, em que ainda não se conhece a pessoa por dentro. Afinal, entre uma gordinha de cabelos maltratados e com espinhas na cara, e uma mulher esbelta de cabelos cuidados e pele lisa, é óbvio que a segunda atrai mais. Sei que a beleza não é unânime; o que pode ser bonito para um, para o outro não é. Mas não podemos negar os percentuais. Se muitas pessoas acham a pessoa A bonita e poucas acham a mesma coisa da pessoa B, então a pessoa A é mais bonita do que a pessoa B no senso comum, e pronto.Penso que a beleza funciona como um tipo de marketing para todos nós; a pessoa bonita possui um chamariz do tipo “gostou do que viu? então venha me conhecer melhor”. E as pessoas vão. É como a embalagem de um produto desconhecido. Quando chama a atenção, estamos mais propensos a pegar, ler sobre, e experimentar. Os feios, por sua vez, ficam em desvantagem. E é aí que entram as outras qualidades…É ve…

O cinza da alma

Dizem que todo mundo possui uma essência de ser; esta imutável, que nos acompanha durante toda a nossa vida, definindo quem realmente somos. Entretanto, geralmente a desconhecemos. Não é difícil que outras pessoas nos definam melhor do que nós mesmos. No fim das contas, quem somos? Ou melhor, o que somos capazes de sentir e fazer? Qual o limite do nosso caráter?
Será que o herói de um dia é capaz de ser o vilão do outro? A pobre mulher traída pelo marido no verão pode se tornar amante de alguém no inverno? O ferido de amor de hoje torna-se indiferente e fere quem lhe entrega o coração amanhã? De sutileza em sutileza vamos nos transformando. O que hoje nos soa como pecado, amanhã cauteriza a mente e se torna estilo de vida. E, da mesma forma, as aventuras passadas da juventude abominam um velho que se recorda delas.
Apesar de toda a formação que recebemos dos nossos pais, acredito que em determinado momento de nossas vidas todos nós estamos propensos a ceder a algum impulso que não está…